Páginas
Facebook
Categorias:

Tudo pode acontecer

Emoção não deverá faltar hoje à noite em Quilmes. Renato lembra bem o clube adversário – passou por ele em 1983, façanha que culminou em Tóquio e não sai da cabeça dos gremistas –, mas o jovem time do Estudiantes pouco promete, além de esforço e correria, frente ao atual campeão da Libertadores. Estivesse o Grêmio com Everton em campo seu favoritismo seria quase absoluto. Mas além da ausência dele, a presença de André ou Jael no comando do ataque, eis duas possibilidades que não me entusiasmam. Talvez um repente de Luan, uma cabeçada dos zagueiros…

Velha guarda valorizada

Até Luxemburgo, que não atua desde que o Sport o demitiu, esteve cotado. Mas o Santos, mesmo endividado, acertou com Cuca, a quem irá pagar R$ 700 mil mensais. Na estreia, perdeu o jogo contra o Cruzeiro, e a renda foi de R$ 147 mil, equivalentes a seis dias de trabalho do novo técnico. Duvido que Felipão ganhe menos no Palmeiras, bancado pela Mecenas que deseja ser presidente do clube. Os dois consagrados veteranos substituem jovens técnicos – Jair Ventura e Roger Machado.
Esperam-se resultados positivamente proporcionais aos investimentos.

Até quando?

Desde os primeiro jogos da Copa me convenci: árbitros de vídeo
se tornaram indispensáveis ao futebol. É revoltante ver uma infração clara
na tevê e acontecer marcação diversa em campo. Com o VAR esses
absurdos são minimizados, até porque o direito a interpretação segue
intocável. Mas é incompreensível que quartetos de arbitragem errem ou se omitam em lances como estes: o goleiro do América avança dois metros para defender uma cobrança de pênalti do Palmeiras e segue o jogo; o Botafogo faz um gol cristalinamente legal, que é anulado. A ruindade se sobrepõe a tudo.

A janela da baderna

Bastou abrir-se a janela de transferências para que se instalasse a baderna em nosso futebol. Ou se pode definir de outra forma que 55 jogadores de clubes brasileiros tenham emigrado para Europa, Ásia e África? Claro, há negócios irrecusáveis, como os de Arthur e Vinícius Jr. Mas o que dizer quando vêm clubes da Arábia Saudita, do Egito e arrematam destacados atletas a preço de banana? O diabo é que mercados importantes seguem abertos até 31 de agosto – e Portugal, até 21 de setembro. Ou seja: mais gente vai embora.

Pitacos

Tite observou Luan, Everton e Paquetá quarta-feira na Arena. Certo, mas tem alguém à frente deles para convocação: o jovem Pedro, atacante do Fluminense e goleador do Brasileirão. Joga muito. *** O goleiro Cássio evoluiu mesmo na reserva da seleção: voltou jogando bem com os pés, ao estilo europeu. E muito justamente, agradece a Taffarel, que o incentivou na especialização. *** Dois técnicos gaúchos que felizmente não têm origem inglesa, porque então seus nomes ficariam inapropriados: Osmar Loss e Argel Fucks. *** Incrível: Celso Roth está fechando dois anos sem treinar. Seu último clube foi o Inter.

Deixe uma resposta para % s

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *