Páginas
Facebook
Categorias:

A maior chance do ano

Hoje o Caxias faz seu jogo inaugural na milionária edição 2018 da Copa do Brasil, amanhã será a estreia do Inter. Os colorados terão a vantagem do empate contra o Boavista, o que torna fácil a classificação – basta jogar futebol. A torcida de Cascavel, já se sabe, será inteiramente a favor. Os caxienses devem passar trabalho em casa para vencer: o Atlético-PR tem força, tradição e não estará para brincadeiras nessa competição. Pudera: o prêmio ao campeão – R$ 50 milhões – é uma tentação, até mesmo para os mais poderosos clubes brasileiros.

Gauchão fora da rotina

O Grêmio vem acumulando derrotas, que o colocaram na linha de rebaixamento. Não por muito tempo, eis que a volta dos titulares irá reforçando o time pouco a pouco, prudentemente, de modo a classificar-se à próxima fase sem arriscar contusões que comprometam seus pricipais objetivos. O Inter a mim ainda não entusiasmou, embora revele potencial maior do que o modesto time do ano passado. Salvam-se os destaques do Interior, especialmente Caxias e Brasil de Pelotas. No desinteresse dos habituais protagonistas, eles cumprem esse papel e valorizam o Gauchão.

Um caminhão de dinheiro

Que Arthur não é um jogador comum, todos sabemos. Com apenas 21 anos e o potencial que já demonstrou, certamente não passa de julho jogando no Grêmio. Pelo que se sabe, o presidente Bolzan vem conduzindo habilmente a negociação com o Barcelona, elevando o patamar dos valores postos à mesa. Até porque em breve o atleta será convocado por Tite, o que fará subir ainda mais sua cotação. Não tenho dúvida de que, se os catalães desistirem, outros clubes virão. O Grêmio tem uma mina de ouro nas mãos e saberá o momento certo de bater o martelo.

Orgulho estrelado

Aproveitei as férias para degustar a biografia de Jô Soares, escrita por Matinas Suzuki, e ver o Gordo na tevê, em
longa e altamente interessante conversa com o pessoal do Bola da Vez (ESPN). Não era fã do Jô como entrevistador, mas como entrevistado, passei a ser. Entre tantas tiradas divertidas, houve um momento em que ele me emocionou: recordou que, quando estudava na Suíça, ainda adolescente, foi cheio de entusiasmo ao estádio, ver um – para ele, desconhecido – clube brasileiro que excursionava pela Europa. Era o nosso Cruzeiro, nos tempos da Montanha!

Pitacos

Fenômenos: Júlio César (38 anos) foi recontratado pelo Flamengo; Danilo (38) e Emerson Sheik (39) estão no elenco do Corinthians, Leo Moura (39) no do Grêmio. *** Sábado tem eleições no Corinthians e o favorito é Andrés Sanchez, apesar da Lava-Jato. *** Sanchez e Sheik são sócios do Paris 6, em São Paulo. E daí? Renato, secretamente, tinha o Arcabuz em Porto Alegre e dava show – no bar e no campo. *** É uma lástima que o Fluminense jogue para 448 pessoas pela Taça Guanabara. Parece castigo, pela armação que rebaixou a Portuguesa de Desportos e manteve o Flu na série A em 2013.

Deixe uma resposta para % s

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *